Ads Top

"Não há fogo no Inferno, Adão e Eva não são reais", diz Papa Francisco


Da nossa série a “Igreja Católica e as verdades ocultas”, se você achava que sabia de tudo, saiba que por esses dias, ele que foi eleito “Homem do Ano” pela TIME, o Papa Francisco concedeu revelações de parar o mundo e que curiosamente pouco viu-se comentários nos principais meios de comunicação, mas claro que o Portal Absurdo está sempre de olho. Não perca nosso “Especial do Mês” de Março, brevemente publicaremos matérias sobre acontecimentos anteriores que podem estar ligados a estas revelações, caso eu não volte, já sabe né? Agora vamos ao mais importante:

Primeiramente vamos ler a mais recente revelação do Papa sobre o assunto Bíblia: "Por meio da humildade, da introspecção e contemplação orante ganharam uma nova compreensão de certos dogmas. A igreja já não acredita em um inferno literal, onde as pessoas sofrem. Esta doutrina é incompatível com o amor infinito de Deus. Deus não é um juiz, mas um amigo e um amante da humanidade. Deus procura não para condenar, mas para abraçar. Como a história de Adão e Eva, nós vemos o inferno como um artifício literário. O inferno não é uma metáfora da alma por si só, que, como todas as almas em última análise, estão unidos no amor com Deus. “ Alguém aqui já leu algum livro de Allan Kardec? Se sim, por mera coincidência, já deve ter lido algo bem parecido por lá... Ainda tem mais veja a seguir.

Nos últimos seis meses, os cardeais, bispos e teólogos católicos têm debatido na Cidade do Vaticano, para discutir o futuro da Igreja e da redefinição das doutrinas católicas e dogmas longo dados. O Terceiro Concílio Vaticano II, é o maior e mais importante desde o Concílio Vaticano II terminou em 1962. E eis que surge um segundo poderoso discurso do Papa Francisco: "Todas as religiões são verdadeiras, porque elas são verdadeiras nos corações de todos aqueles que acreditam neles. Que outro tipo existe realmente? No passado, a igreja tem sido muito difícil em que considerado imoral ou pecaminoso. Hoje, não há julgamento. Como um pai amoroso, nunca condenar nossos filhos. Nossa igreja é grande o suficiente para heterossexuais e homossexuais, por provida e pró escolha! Para os conservadores e liberais, até mesmo os comunistas são bem-vindos e se juntaram a nós. Todos nós amando e adorando o mesmo Deus. " Só eu acho que ele deveria ter usado o LGBTTH? (oi?)

Concluindo o discurso um tanto polêmico, o terceiro conselho do Vaticano com o Papa, concluiu que, O catolicismo é uma religião agora "moderno e razoável, que passou por mudanças evolutivas. Hora de deixar veio toda intolerância. Devemos reconhecer que a verdade religiosa evolui e muda. A verdade não é absoluta ou imutável. Mesmo ateus reconhecer o divino. Através de atos de amor e caridade ateu reconhece Deus, bem como, e redime a alma, tornando-se um participante ativo na redenção da humanidade. "

Após as declarações chegarem ao público maior, tradicionalistas, cardeais da própria Igreja Católica chegaram a um ataque de confusão e histeria. Por fim, o Papa complementou que... "Deus está mudando e evoluindo como nós somos, porque Deus habita em nós e em nossos corações. Quando espalhar o amor e bondade no mundo, nós jogamos a nossa própria divindade e reconhecer. A Bíblia é um livro sagrado bonito, mas como todas as grandes obras antigas, algumas passagens estão desatualizados. Alguns chamam mesmo para intolerância ou julgamento. Tempo para ver estes versos como interpolações posteriores, contra a mensagem do amor e da verdade, caso contrário, irradiando através da Escritura chegou. Com base em nossa nova compreensão, vamos começar a ordenar mulheres como cardeais, bispos e sacerdotes. No futuro, é minha esperança de que, um dia, um papa feminino. Não permita que qualquer porta para a mulher que está aberto a homens perto!"

Seguindo uma religião específica, gostando de Matrix, de Pepsi ou de nenhuma das opções, o Portal Absurdo abordará o tema atual no “Especial do Mês” em Março. Não percam semanalmente!

Fonte: Mundo História
Tecnologia do Blogger.