Falta de costume do povo ou tolice do governo de Pernambuco? O Xambá e a diária dor de cabeça


Depois de muito protesto para abaixar a tarifa do busão, abaixar a conta de luz, tirar a Sheila Carvalho de A Fazenda, entre outras coisas, Pernambuco ganhou uma nova integração de ônibus, localizada em Olinda (pausa para oração pesada) a Int. Xambá, sim, esse é o nome do lugar de transporte pago - porque se fosse público seria de graça - que promete trazer mais conforto, agilidade e claro uma redução na tarifa.

Apesar de todo esse discurso de "Mais serviços, menos tarifas" o Xambá, ou se você preferir, 'Boca do Inferno' trouxe muita revolta a população já acostumada a rotina diária. Pelo pouco tempo que passei por lá, observei diversas reações e pasmem: NENHUMA FOI POSITIVA.


O centro da agilidade que se transformou em uma fossa mostrou ser uma tremenda dor de cabeça para muitos que afirmam "tenho que acordar mais cedo para enfrentar a enorme fila", dentre as frases mais CRÁSICAS que rolaram escolhi as melhores só pra vocês terem uma ideia do que tá rolando por lá.


* A senhora sabe onde fica sua parada? - Sei na Zona.
* Amiga teu dedo tá troncho - Mas minha bucet* é troncha.
* Era bom que jogassem fogo aqui, fogo vermelho.
* Isso é a fila do ônibus ou pra entrar no bordel?
* Era bom um potésto pá acabar com isso aqui né não meu véi?
* As pessoas estão falando mal disso aqui, esse lugar é coisa de primeiro mundo.

Dentre as mil criticas negativas e uma positiva, digo que o Xamxam (esse nome é mais elegante vocês não acham?) tem muitas coisas boas, porém precisa urgentemente de mudanças, porque pra modernizar é antes é preciso preparar e educar, já que as pessoas estão pagando por uma coisa que deveria ser gratuita, que ao menos seja um serviço mais digno. Um beijo e vou de bike!



É o que há!
Tecnologia do Blogger.