Carta de Perdão


Recife, 16 de Fevereiro de 2012.

Essa semana minha palavras vão para você.
Um conto para alguém que jamais irá ler.



Carta de Perdão.

Dentre o doce e o amargo; existem alegrias e tristezas...
Dentro de um coração existe amor e ódio,
Dentro de meu copo existe o consolo e a estupidez.
Entre as paredes do meu refugio existe apenas solidão...
Antes meu corpo possui uma alma, agora apenas restou à escuridão,
a muito esquecida, agora despertada pela decepção.
Caminhando na estrada da vida, em uma eterna procura de felicidade
por muitas vezes impossível de encontrar.
Seguindo adiante apenas por seguir, buscando forças para levantar
pois por muitas vezes não temos uma mão que nos ajude.
Olhar para o céu, irradiar minha mente para que não me atormente
com felizes lembranças, que tocam a feriada, sangrando causando
dor, enlouquecendo, matando.

Colhendo as lagrimas para ti presentear e regares teu jardim,
mesmo sem mereceres que eu o faça, me consolando assim
E eu possa continuar em paz a minha viagem,
Trago apenas por mais ingênua a esperança,
De mais uma vez poder sorrir.


''Peso desculpas por não ter escrito na semana que passou, deviso a alguns problemas pessoais não consegui comparecer.''

Grata pela atenção
Até a próxima semana.

Tecnologia do Blogger.